21 de setembro de 2006

ainda nada coisa antiga

Tenho tanto medo segredo
se te deixo
talvez me queiras.
se te pedir para ficar,
talvez vás
se nos quisermos...
tenho tanto medo segredo
e se falar do desejo
da vontade
que faz o querer
perco-te para a saudade
engano o viver
E por saberes do meu medo
és mais longe
mais sonho
e mais segredo.

Maria Ana Ferro

3 comentários:

Anónimo disse...

tenho medo que o meu segredo
me faça perder-te para a saudade
é esse medo que me afasta do meu desejo

Márcia disse...

esse poema é belo. fico sempre curiosa em relação a poetas que não conheço e que leio nos blogues. sabe me dizer onde encontrar mais dela?

um beijo da primavera.

Anónimo disse...

Maria Ana Ferro e Planeta Azul são a mesma pessoa. Ou pelo menos julgam ser. :) Beijinhos